Arte e Cultura

Poste aqui sua poesia

Com início em Crato, a ação “Poste Poesia” já se espalhou por outras 40 cidades
Por Alana Maria • 29 de fevereiro de 2016

Na comunidade do Gesso, em Crato, ficar parado olhando para o poste por algum tempo não é coisa de louco. Duvida? Olhe melhor. O preto no branco delimita as curvas das palavras que anunciam Patativa do Assaré:

“Poeta, cantô da rua, que na cidade nasceu,

Cante a cidade que é sua,

Que eu canto o sertão que é meu […]”

11350483_1406610559665800_5983451010542919917_n

Entre Patativa, Salete Maria, Rosemberg Cariry e Luiz Bitu, conhecidos pela poesia, alguns Joãos, Antonios e Marias desconhecidos, mas que aqui tem o mesmo peso para a mesma medida: democratizar o acesso à arte pela insistente intervenção urbana. Ação voluntária e colaborativa, o “Poste Poesia” é iniciativa do Coletivo Camaradas, encabeçada por Marta Regina, Ricardo Alves e Alexandre Lucas, que deseja empoderar poetas regionais, enquanto faz a poesia circular pela cidade.

11150748_1406609169665939_5902424954789021062_n

 

Com mensagens de paz, amor e igualdade social, essa atividade já foi feita em Iguatu, Mauriti, Jardim, João Pessoa, na Paraíba, e Dourados, no Mato Grosso do Sul – e esses são só alguns exemplos. Em Crato, já se contam mais de seis bairros cobertos.

 

12111917_1502539226739599_2166954934747095868_n

Para a coordenadora Marta Regina, um simples projeto como esse faz grande diferença. “Envolve o acesso à arte, o incentivo ao trabalho dos poetas regionais e o fortalecimento da leitura nos bairros”, ela diz, explicando que não importa onde, “seja no poste de luz ou naquele do Facebook”, o que vale mesmo é que alguém leia.

12038550_1484383218555200_7774630702988646227_n

O “Poste Poesia” é uma, entre tantas outras estratégias de despertar o interesse da população pela arte e cultura – a exemplo do Trocaria do Gesso, Brinquedoteca e Rodas de poesia –, que nasceu na maltratada comunidade do Gesso, mas se espalhou para o Brasil. A ação está em progresso em 10 cidades, com outras 30 inscritas prestes a começar e conta com a participação de 80 poetas, do Cariri e de outras regiões, que doaram seus trabalhos para a livre difusão.

12573228_1547117285615126_8527426594633437175_n

“Muitos poetas daqui, jovens, novos, acham que fazem algo menor, quando, na verdade, não se trata disso”, diz Ricardo Alves, integrante e coordenador, explicando que o empoderamento desses artistas é foco importante do trabalho, visando até um futuro lançamento livro-coletânea com os poemas sem fins lucrativos.

 SERVIÇO

Fanpage do Poste Poesia no Facebook

Interessado em desenvolver a ação em sua cidade? Mais informações: contato@camaradas.org

12642467_1545973362396185_2040310570675850713_n

CATEGORIA:

Alana Maria