Arte e Cultura

Mostra Sesc: Seminário discute patrimônio imaterial e memória social na contemporaneidade

O Seminário Arte e Pensamento vem se configurando como espaço de intercâmbio e troca de diferentes saberes, ampliando conhecimentos através de debates e reflexões sobre o universo cultural do Cariri cearense,
Por Márcio Silvestre • 20 de novembro de 2018

Com a proposta de discutir patrimônio imaterial e memória social na contemporaneidade, a 9ª edição do Seminário Arte e Pensamento, realizada nos dias 19 e 20 reúne autoridades e especialistas do campo cultural no auditório da Escola Violeta Arraes, em Crato. O evento faz parte da programação da 20ª Mostra Sesc Cariri de Culturas, que nesta edição fortaleceu o debate sobre a possibilidade de tornar o Cariri um patrimônio cultural da humanidade.

A mesa de abertura, com o tema Patrimônio Mundial e Regional, contou com a participação do Secretários de Cultura do Estado do Ceará, Fabiano Piúba, do Criador da Fundação Casa Grande, Alemberg Quindins, e de dois pesquisadores portugueses: a arqueóloga, Dra. Conceição Lopes (Universidade de Coimbra/Portugal) e o Arquiteto Tiago Mota Saraiva. “O seminário é uma oportunidade de diálogo entre palestrantes e participantes para tratar de assuntos relacionados a diversos aspectos da cultura do nosso país, abrindo espaço para novas ações e percepções a partir do debate construtivo”, ressalta Alemberg.

Foto: Márcio Silvestre

Patrimônio da Humanidade

Na ocasião, foi discutida a possibilidade de tornar a região do Cariri Cearense um patrimônio cultural da humanidade junto à UNESCO. De acordo com o Secretário Fabiano Piúba a região tem características que a tornam singular, e já foi iniciado o diálogo com o Iphan no intuito de inserir o Cariri na lista de patrimônio cultural na perspectiva de território.

A Pesquisadora Conceição Lopes, que estuda a geografia e cultura da região, parabenizou a iniciativa da Mostra Sesc em possibilitar esse importante diálogo. “É fundamental que reconheçamos que a cultura do Cariri foi construída, ao longo do tempo, com base diversificada, aqui identificamos representação da África, da Europa e de uma cultura ancestral que temos aqui. Esta Mostra está possibilitando um momento fundamental, possibilitando a discussão sobre a inserção da cultura regional na lista de patrimônio imaterial mundial”, afirma.

Foto: Márcio Silvestre

Arte e Pensamento

Desde 2009, o Seminário Arte e Pensamento vem se configurando como espaço de intercâmbio e troca de diferentes saberes, ampliando conhecimentos através de debates e reflexões sobre o universo cultural do Cariri cearense, fomentando práticas e ações voltadas a sustentabilidade e desenvolvimento da região.

Programação dia 20/11:

Roda de Conversa – 9h às 11h30
Tema: Economia da Cultura e Desenvolvimento Comunitário
Dra. Luciana Guilherme (Eco/UFRJ)
Sra. Irene Macedo (Associação das Mães da Fundação Casa Grande)
Francisco de Assis (Júnior) (Agência Cultural e Base Comunitária)

Roda de Conversa – 14h às 15h30
Tema: Museus Comunitários e Memória e Social
Ms. João Paulo Vieira (Rede de Museus Comunitários do Ceará)
Sr, Suzenalson Santos (Rede indígena de Memória e Museologia Social no Brasil)

Mesa de Encerramento – 16h às 17h30
Temas: Olhar, Futuro e Patrimônio
Dr. José Patricio (URCA – Reitoria)
Dr. Robson Almeida (UFCA – Pró-reitoria de cultura)
Sra. Patrícia Rinaldi (Sesc-CE)
Sr. Alemberg Quindins

CATEGORIA:

Márcio Silvestre

Formado pela Universidade Federal do Cariri (UFCA), com experiência em Assessoria de Imprensa e Produção Cultural. "A comunicação e a arte se cruzam no meu caminho. Descobri no jornalismo a oportunidade de contar histórias e compartilhar conhecimento".