Digital

Juazeiro do Norte se destaca com Projeto de Cidade Inteligente

O projeto é amparado pela Lei Municipal de Inovação e Smart City, que possibilita através de PPP o investimento em tecnologia para melhorar o planejamento e gerenciamento da cidade.
Por Márcio Silvestre • 3 de dezembro de 2018

Foto: Anderson Duarte

Pensar em uma cidade inteligente e humana é um dos maiores desafios da contemporaneidade. No interior do Ceará, há cerca de 500 km da capital, a cidade de Juazeiro do Norte tem se destacado pelo estímulo e fortalecimento de práticas que promovem a implementação do Projeto de Cidade Inteligente. O Município, com mais de 270 mil habitantes, é referência nacional pela aprovação da Primeira Lei Municipal de Inovação e Smart City do Brasil, sancionada em junho de 2018.

Na prática, a Smart City colabora com o crescimento e a evolução de vários setores como segurança pública, mobilidade urbana, educação, turismo, saúde e desenvolvimento econômico, utilizando tecnologia e conectividade para o planejamento e gerenciamento da cidade, de forma a facilitar atividades cotidianas e buscar a melhoria na qualidade de vida.

Amsterdã, na Holanda, com quase 900 mil habitantes é um dos maiores modelos de Smart City do mundo, sendo pioneira no continente europeu quando o assunto é investimento em tecnologia e sustentabilidade. Na Capital dos Países Baixos, os investimentos em tecnologia possibilitaram a criação de aplicativos inovadores no campo da mobilidade urbana, que disponibilizam dados sobre o tráfego e as opções de transporte existentes, além de vagas de estacionamento, táxis e ciclovias.

Esse é um exemplo de como a tecnologia aplicada na dinâmica social dos espaços públicos pode contribuir para a melhoria da qualidade de vida das pessoas. Apostando neste novo modelo de desenvolvimento, a Prefeitura Municipal de Juazeiro do Norte tem fomentado diversas ações para tornar a terra do Padre Cícero uma referência em Smart City, tecnologia, inovação e empreendedorismo.

Vista aérea de Juazeiro do Norte. (Foto: Assessoria de Imprensa da Prefeitura Municipal de Juazeiro do Norte)

O Especialista em Inovação e Cidades Inteligentes, Vitor Amuri Antunes, colaborador da Lei de Inovação e Smart City de Juazeiro do Norte, explica a importância e aplicabilidade do processo de Cidade Inteligente para o desenvolvimento e prestação de serviços públicos. “A melhoria da qualidade de vida da população é um dos objetivos da cidade inteligente. Atuando em diversos setores da sociedade, como por exemplo, a segurança pública, que passa a contar com iluminação eficiente e inteligente, que aliada ao vídeo monitoramento consegue assegurar maior segurança e tranquilidade da população”, afirma.

Dr. Vitor Amuri apresentando o projeto da Lei Municipal de Inovação e Cidade Inteligente, em sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Juazeiro do Norte. (Foto: Assessoria de Imprensa da Prefeitura Municipal de Juazeiro do Norte).

Juazeiro do Norte Cidade Inteligente

Ser uma cidade inteligente tem a ver com o uso de tecnologias novas e digitais, bem como da Internet das Coisas (IoT), para aprimorar os processos municipais em benefício dos habitantes. Desde 2017, Juazeiro do Norte vem realizando um trabalho de incentivo e elaboração de um Plano Diretor de Cidade Inteligente do Município. Lançado no último dia 5 de novembro, o projeto de Parceria Público-Privada (PPP) “Juazeiro do Norte Cidade Inteligente”, segue até a próxima quarta-feira (05) em consulta pública.

Entre as propostas em curso está o aumento da absorção de Tecnologias avançadas na gestão dos serviços públicos municipais, com ênfase na chamada “Rede de Iluminação Pública Inteligente”, conceito inovador que se baseia no aproveitamento criativo das infraestruturas de iluminação pública (postes, hastes, luminárias e redes de telegestão) para prestação de serviços múltiplos, através de uma única rede multifuncional. Veja .

Postes de iluminação vão gerar energia e recarregar veículos elétricos na cidade inteligente.

O Projeto pretende trocar as lâmpadas de iluminação pública para LED em 26 mil pontos da cidade. Na base dos postes serão anexadas câmeras de videomonitoramento com inteligência artificial, em mais de 300 pontos da Cidade, além da inclusão de wi-fe público, em pelo menos 100 pontos estratégicos, possibilitando a maior cobertura possível.

Geração de energia limpa

De acordo com o Secretário de Desenvolvimento Econômico e Inovação de Juazeiro do Norte, Michel Araújo, está previsto no Projeto a inclusão de energia autossustentável para oito praças do Município, com postes autogeradores que consigam gerar a própria energia, seja com placa solar ou energia eólica.

“Nos primeiros 15 meses da PPP, a Concessionária deverá garantir que, em 08 praças da Cidade, todos os pontos de Iluminação Pública sejam alimentados por placas solares e/ou estruturas de geração eólica, que deverão ser instaladas de forma integrada aos postes de Iluminação. Após estudos de viabilidade, foram selecionadas a Praça Padre Cícero (Centro), a Praça José Ilânio Gondim (Jardim Gonzaga), a Praça Antonio Yone Rodrigues (Novo Juazeiro), a Praça José Geraldo da Cruz (Franciscanos), a Praça Feijó de Sá (Triângulo), a Praça Beata Maria de Araújo (Centro), a Praça Des. Juvêncio Santana (São Miguel) e a Praça Antônio Conserva Feitosa (Lagoa Seca)“, ressalta o Secretário.

Praça Padre Cícero é uma das oito contempladas no projeto de iluminação pública com postes autogeradores de energia limpa.   (Foto: Reginaldo Zurlo)

A PPP é amparada pela Lei Municipal brasileira de Inovação e Smart City, sancionada pelo Prefeito Arnon Bezerra, e que dá segurança jurídica para efetivação do Projeto. A Lei destaca-se por ser a primeira criada após a regulamentação do Marco Federal de Ciência e Tecnologia, incluindo também as recentes orientações do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (Mctic) e do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (Bndes) no âmbito do Plano Nacional de Internet das Coisas (“IoT”), voltado às Cidades Inteligentes.

O projeto permanece em Consulta Pública até o dia 05 de dezembro de 2018, a fim de receber contribuições e sugestões de quaisquer interessados. Os documentos podem ser acessados no site da Prefeitura de Juazeiro do Norte .

Leia também: Juazeiro do Norte é a primeira cidade do Brasil a publicar Lei de Inovação e Smart City.

 

 

CATEGORIA:

Márcio Silvestre

Márcio Silvestre

Formado pela Universidade Federal do Cariri (UFCA), com experiência em Assessoria de Imprensa e Produção Cultural. "A comunicação e a arte se cruzam no meu caminho. Descobri no jornalismo a oportunidade de contar histórias e compartilhar conhecimento".