Arte e Cultura

Como tirar seus projetos do papel em 3 passos

Por André Rabelo • 10 de junho de 2020
Foto: Freepick 

É muito comum conhecermos pessoas cheias de ideias incríveis. Essas pessoas até acreditam que são capazes de mudar o mundo inteiro, mas o grande problema é que uma ideia não tem nenhum valor se ela não evoluir para uma execução. Para os gênios do maior seleiro tecnológico do mundo, as ideias não têm nenhum valor se não forem validadas com ação, a execução. Muitas vezes ficamos esculpindo a ideia, idealizando que seja sem falhas, sendo que o sucesso é o acúmulo de falhas e erros. 

  1. Pensar e aperfeiçoar a ideia

Quem pensa pouco, muito erra. Quem pensa muito, perde a vez. O grande problema é que ao construir uma ideia tendemos a ficar nos pensamentos e no mundo encantado da imaginação, porém distante da realidade de fazer aquela ideia acontecer.  A internalização da ideia ou do seu projeto é muito importante, pois tudo acontece primeiro internamente em nossa mente. O grande segredo é o equilíbrio, ou seja, é saber o tempo certo para pensar e aperfeiçoar essas ideias.

Pensar para ter ideia: Absolutamente tudo, materialmente falando, começou com um pensamento que virou uma ideia. É como se o pensamento construísse um protótipo imaginário, uma maquete para que possamos apreciar e provocar a decisão da ação, porém essa viagem acaba sendo muito real e prazerosa por algo imaginário e sem risco. Não tenha medo de erros na hora de executar, os erros fazem parte do processo de aperfeiçoamento, não temos como ter acertos sem erros e ajustes. E é melhor feito do que perfeito.

 2. Planejar

O planejamento é uma etapa muito importante para o desenvolvimento das atividades de um negócio ou projeto. Todo o processo parte das metas que foram predefinidas. Com elas, você demarca as etapas para fazer com que esses objetivos se concretizem. Planejar é definir metas e estabelecer onde e quando você deseja chegar.

O mundo dos negócios tem colocado para o acostamento aventureiros que acreditam apenas em sorte, e não se preparam. O planejar coloca limites e define distâncias. Um bom planejamento deve considerar aspectos como: análise do ambiente interno, externo, definição de metas e indicadores de resultados. Desse modo, poderá ser formulado com consistência. Além disso, é crucial ter processos definidos para fiscalizar tudo como foi planejado e ter monitoramento de números em mãos, assim seu projeto tem tudo para acontecer conforme planejado.    

  1. Executar/Ação

 Tendemos a ter um sentimento de incapacidade, acreditando que ainda não estamos preparados, que precisamos nos preparar mais, que ainda não é hora de entrar em ação e, em sua grande maioria, o que nos limita é o medo. O medo de dar errado, o medo de fracassar, medo de perder tudo, medo de ser rejeitado, enfim vários motivos. Tem uma frase que muito me expira que é; “quem tem medo do ridículo nunca chegará ao extraordinário”. Se o medo te impedir de entrar em ação faça uma planilhas com dois grupos: de um lado você coloca o que você pode perder e de outro lado coloca o que você pode ganhar ao entrar em ação com o seu projeto, que logicamente o resultado maior ajudará na hora da decisão.

Na hora de realizar seu novo projeto um ponto muito importante antes de entrar em ação é a convicção, o quanto você está convicto sobre o sucesso do seu projeto?

Do jeito de como você começar, permanecerá, e também tende a terminar do mesmo jeito. Você teve a oportunidade de pensar, de planejar e agora de executar. Para entrar em ação nessa hora você precisa está certo e tudo muito claro, essa certeza irá definir o sucesso do seu negócio.

A opinião ou a validação de terceiros pode ser importante, mas não define e nem garante o seu sucesso, o que de fato vai definir é se você acredita. Comparando a direção de um carro na hora de atravessar uma rodovia bem movimentada e sem semáforo, se você não tiver certeza que tem tempo suficiente para atravessar, um acidente pode ser um fato consumado. Na hora de entrar em ação valorize o que você acredita, se você não acredita não arrisque até ter certeza.

Não subestime suas ideias e projetos, acredite, busque conhecimento, converse com pessoas que tenha conhecimento, filtre o que faz sentido pra você e use ao seu favor, o que não faz sentido jogue fora, mas faça.  O poder está na mão de quem faz não se preocupe com críticas, muitas são as pessoas que desejam que seu projeto aconteça e tenha sucesso, mas nem todos estão preparados para lhe ver progredindo no seu sonho. Acreditar em você vai te fazer chegar ao extraordinário.

______________________________________________________________________________________
Essa é uma coluna de opinião. As informações e ideias expressas neste espaço são de responsabilidade única do autor.
Sobre o autor:

Olá, muito prazer, sou André Rabelo! Sou empresário do ramo de gastronomia, turismo e hotelaria, mas te digo logo que nem sempre foi assim. Já fui empacotador de supermercado e pra conseguir a liberdade financeira que tenho hoje, foi através de muito trabalho e um conceito chamado Faça Mais Com Menos, no qual consegui empreender mesmo sem dinheiro.

Instagram: @andrerabelo777

CATEGORIA:

André Rabelo