Notícias

Cerca de 20% dos funcionários temporários neste fim de ano podem ser efetivados em 2021

Mesmo em meio à pandemia o Ceará deve gerar quase 3 mil vagas
Por Edição Cariri • 9 de dezembro de 2020

De acordo com a Associação Brasileira de Trabalho Temporário, a ASSERTEM, o trabalho temporário é voltado a uma demanda específica de uma empresa por tempo limitado. Ou seja, o trabalhador temporário pode ser convocado quando for para tirar as férias de algum funcionário efetivo ou aumentar a frota de funcionários em datas comemorativas como as festas de final de ano, por exemplo.

Segundo os dados da Assertem, a criação de vagas temporárias deve crescer neste período de segundo semestre (Julho a Dezembro) mais de 12% em comparação ao mesmo período do ano passado. A pandemia ocasionou consideravelmente o número de contratos temporários no segundo semestre, segundo a ASSERTEM, podem chegar a ser mais de 28% referente ao ano de 2019.

No Ceará, conforme os dados coletados pela Focus.Jor, a Confederação Nacional do Comércio de Bens e Turismo (CNC) fez uma pesquisa que apontou que o Ceará vai gerar 2,7 mil postos de trabalho. O resultado, comparado com os dados do ano passado, mostram uma queda de 100 mil postos.

O contador Dairton Pinheiro destaca que as pessoas fiquem atentas a essas vagas temporárias e procurem os órgãos que fazem gestão desses empregos para que não percam essa oportunidade de ingressar no mercado de trabalho ainda em 2020. Ele ressalta que cerca de 20% das pessoas que ingressam nas empresas por meio das vagas temporárias tendem a permanecer contratadas como emprego definitivo. De acordo com a empresa internacional Gi Group, os 7 passos para ser efetivado em uma empresa são: Dedique-se; Ouça os mais velhos; Esteja Preparado; Trabalhe em equipe; Adapte-se; Tenha foco; Demonstre seu interesse.

CATEGORIA:

Edição Cariri