11
Reportagens, Saúde 0

Sebrae lança censo sobre mercado médico no Cariri

Segundo a pesquisa, profissionais da saúde não se veem como gestores

Para entender o mercado da saúde na região, o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae Cariri) e a RS2 Consultoria realizaram uma pesquisa abrangendo o Crajubar e o município de Brejo Santo, onde se concentram quase 10% dos 262 consultórios e hospitais levantados no censo. Em Juazeiro do Norte estão 66,8% das empresas, enquanto Crato e Barbalha detêm, respectivamente, 19,5% e 4,6%. “O Sebrae queria conhecer esse setor, que é tão importante na região, mas não tinha informações para desenvolver um produto específico para ele”, explica Romeu Alencar, sócio-diretor da RS2. A expectativa é que o censo venha a colaborar com o mercado da saúde, em constante expansão no Cariri.

No dia 19 de abril, o Sebrae e a RS2 apresentaram a pesquisa à comunidade médica. Helena Oliveira, diretora comercial do Sebrae mostrou que foi identificado que apenas 40% das empresas caririenses realizam algum planejamento de suas ações de marketing. “Percebemos que é preciso melhorar muito a gestão financeira dessas empresas”, Helena conta, “apenas um entre cada três médicos realizam planejamento estratégico. Precisamos convidá-los a pensar em algo bem simples: onde eu quero que minha empresa esteja daqui a 10 anos? É preciso que eles tenham uma visão a longo prazo. E a gente sabe que há muitas mudanças acontecendo no mundo dos negócios e eles também devem estar preparados”.

“Comparado ao empresário comum, o médico tem bem menos preocupação com certificações e investimento em qualificação de seus funcionários”, conta Jean Rhicelly, consultor responsável pelo censo, “e uma das constatações da pesquisa é que ele não tem uma visão de sua clínica como empresa”. A RS2 também percebeu que o mercado da saúde na região está cada vez mais competitivo e o paciente, mais exigente. Das 262 empresas existentes nas quatro cidades, 196 aceitaram participar da pesquisa. Destas, apenas uma tem certificação ISO e seis estão em implantação. A expectativa do Sebrae é estimular os 2.635 médicos empresários da região a desenvolver seus negócios.

 

Sugestões de Leitura