Arte e Cultura, Reportagens 0

O futuro da Lira Nordestina em debate; Seminário acontece dia 22

Na próxima quinta-feira, 22 de março, o Memorial Padre Cícero, em Juazeiro do Norte, será palco do Seminário Lira Nordestina – Diagnósticos e Atualizações. Durante todo o dia, xilógrafos, pesquisadores, administradores públicos e personagens ligados ao cordel e à cultura popular vão discutir análises e diagnósticos sobre as dificuldades enfrentadas pelo Gráfica Lira Nordestina, grande patrimônio cultural do Cariri.

Sendo um dos principais pontos culturais da região do Cariri e uma referência nacional sobre o assunto, a Lira Nordestina tem grande relevância na economia artesanal, cultural e criativa da região. No entanto, há anos sente as dificuldades econômicas e a baixa no interesse pela tipografia tradicional, xilogravura e cordel.

O seminário contará com debates e palestras envolvendo as temáticas relacionadas às atividades da Lira Nordestina. Também acontecerá a leitura do documento Carta de Pactuação em Prol da Lira Nordestina.

(Foto: Samuel Macedo)

 

O presidente da Associação dos Xilógrafos e Artesãos do Cariri, José Lourenço, o Reitor da URCA, prof. Patrício Melo, e o Secretário de Cultura do Estado do Ceará, Fabiano dos Santos, iniciaram os debates com a mesa de abertura ao lado do Prefeito de Juazeiro do Norte, Arnon Bezerra, o Secretário Interino da Cultura de Juazeiro do Norte, Renato Fernandes, o Secretário de Turismo e Romaria de Juazeiro do Norte, Júnior Feitosa, e o representante do Sebrae, Joaquim Cartaxo Filho.

Outros nomes relacionados à cultura popular como Renato Dantas, Rosário Lustosa, Rosilene Melo e Abraão Batista participarão de mesas de palestras. Também haverá apresentações culturais de grupos de reisado nos intervalos das palestras.

O evento é uma realização conjunta da Lira Nordestina, Pró-Reitoria de Extensão da URCA, Fundação Memorial Padre Cícero e Secretaria Municipal de Cultura de Juazeiro do Norte.

 

(Foto: Samuel Macedo)

 

LIRA NORDESTINA

Ligada à Pró-Reitoria de Extensão da Universidade Regional do Cariri, que também responde por sua administração, a Lira atualmente funciona no prédio do Centro Multifuncional do Cariri Vapt Vupt, em Juazeiro do Norte.

A Lira Nordestina, assim batizada pelo poeta Patativa do Assaré, era a antiga Tipografia São Francisco, criada na década de 1930 por José Bernardo da Silva. Alcançou, nos anos 1950 a posição de maior folheteria do país, com títulos considerados clássicos da literatura de cordel. Com o desenvolvimento das tecnologias de impressão e a morte de José Bernardo, a tipografia entrou em decadência.

Em 1982, seu acervo e equipamentos foram adquiridos pelo Governo do Ceará. A Lira Nordestina não funciona mais como editora, mas tornou-se ponto de encontro e divulgação dos artistas do Cariri, em especial os xilógrafos.

 

(Foto: Samuel Macedo)

 

PROGRAMAÇÃO:

Dia 22/3

8h30 – Mesa de abertura: Prof. Patrício Melo (Reitor da URCA); Fabiano dos Santos (Secretário da Cultura do Estado); Arnon Bezerra (Prefeito de Juazeiro do Norte); Renato Fernandes (Secretário Interino da Cultura de Juazeiro do Norte); Júnior Feitosa (Secretaria de Turismo e Romaria de Juazeiro do Norte), Joaquim Cartaxo Filho (SEBRAE); José Lourenço (AXARCA – Associação dos Xilógrafos e Artesãos do Cariri).

9h. Grupo de Incelenças de Juazeiro do Norte

9h30 – Palestra. Os caminhos do cordel em Juazeiro do Norte numa perspectiva histórica. Palestrante: Rosilene Melo.

10h30 – Intervalo

11h – Lira Nordestina hoje: diagnósticos e atualizações. Palestrante: Renato Dantas; Abraão Batista. Mediadora: Rosário Lustosa.

Dia 22/3

14h – Mesa redonda. Percursos da xilogravura de Juazeiro do Norte: de arte utilitária à “relíquia” de museu. Palestrantes: Geová Sobreira; Sandra Nancy Freire; Stênio Diniz. Mediador: Renato Casimiro.

15h30 – Reisado Menino Deus João Cabral

16h – Intervalo

16h30. Lira Nordestina: rumos e perspectivas. Palestrantes: Prof. Patrício Melo (Reitor da URCA); Fabiano dos Santos (Secretário da Cultura do Estado); Arnon Bezerra (Prefeito de Juazeiro do Norte) e Joaquim Cartaxo Filho (SEBRAE); José Lourenço (AXARCA). Mediadora: Arlene Pessoa (Pró-Reitora de Extensão URCA).

17h30 – Leitura do Documento: Carta de Pactuação em prol da Lira Nordestina.

 

(Foto: Samuel Macedo)


Com informações da Assessoria de Comunicação da URCA e Prefeitura de Juazeiro do Norte.

Sugestões de Leitura