Arte e Cultura, Notícias, Reportagens 0

Mestrado da URCA lança livro sobre cultura negra, na Escola de Saberes

[Colaboração de  Jardel Pereira da Silva]

A coordenação do mestrado profissional em Educação (MPEDU) promoveu na última sexta-feira, 30 de junho, a primeira atividade do ansiado curso com o lançamento do livro Artefatos da Cultura Negra – Educação Afropensada: repensar o currículo e construir alternativas de combate ao racismo, de Alexsandra Flávia Bezerra de Oliveira, Cicera Nunes, Henrique Cunha Júnior e Reginaldo Ferreira Domingo, e outros.

O livro conta com uma coleção de trabalhos oriundos das pesquisas apresentadas no Congresso Artefatos da Cultura Negra, realizado anualmente no mês se setembro na Universidade Regional do Cariri- URCA, e que em 2017 terá sua 8ª edição (De 25 a 30 de setembro), e ocorrerá de forma itinerante nos municípios de Crato, Juazeiro do Norte e Brejo Santo.

Durante evento os professores Josier, Henrique Cunha Júnior, Cicera Nunes e Zuleide Queiroz fizeram uma visita guiada com os presentes, no qual se conheceu o patrimônio arquitetônico da cidade de Barbalha, através do relato das memórias que constitui a história de cada elemento presente no centro da cidade, o ponto alto foi a palestra proferida pelo professor e pesquisador, Henrique Cunha Júnior (UFC), que após a visita técnica guiada ao centro histórico da cidade, e dos subsídios adquiridos com a explanação, discorreu sobre arquitetura colonial e afrodescendência, após a fala os presentes discutiram temas relacionados a: memórias, politicas públicas, e afrodescendência na sociedade contemporânea.

Participaram ainda das atividades representantes do Grupo de Valorização Negra do Cariri (GRUNEC), do Núcleo de Estudos e Pesquisa em Gênero e Relações Étnico-Raciais (NEGRER), além dos discentes do PRODER/UFCA, do Mestrado em Educação, da graduação em: Pedagogia, Ciências Sociais, Direito e História da URCA.

O Mestrado em Educação é o primeiro nessa área de concentração da região do Cariri, o mesmo visa promover a formação de professores ou para aqueles que têm perspectiva em atuar, surgindo como compromisso deste colegiado em formar docentes, o curso é fruto de uma luta de mais de vinte anos do departamento de educação e traz a possibilidade de formação continuada para os graduados permanecerem na região. O Mestrado é público, gratuito e conta com a cooperação e apoio da Universidade Federal do Ceará-UFC e da Universidade Estadual do Ceará-UECE, e terá sua aula inaugural em 03 de agosto de 2017.

Sugestões de Leitura