Notícias 0

II Mostra Científica do Cariri contará com nomes de peso da Ciência nacional e internacional

Evento acontece de 28 de agosto a 01 de setembro, no IFCE – Juazeiro do Norte. Visitações são gratuitas

De 28 de agosto a 01 de setembro, a Mostra Científica do Cariri (MOCICA) realiza sua segunda edição com destaque para recorde de projetos inscritos e participações internacionais. O evento acontecerá no campus Juazeiro do Norte do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE).

Voltado para a pesquisa e o desenvolvimento científico de estudantes do Ensino Fundamental e Ensino Médio, a consolidação da MOCICA firma a região do Cariri na rota de grandes feiras e eventos científicos do Nordeste e do Brasil.

Nesta segunda edição, contará com a apresentação de mais de 130 projetos, experimentos e invenções científicas de estudantes de todo o Brasil e de outros países em temáticas que vão das ciências biológicas, agrárias, da saúde, exatas e humanas até a solução de problemas socioambientais.

 

Imagens do I MOCICA, em 2016. Centenas de jovens estudantes participaram diariamente do evento que incentiva o pequeno cientista dentro de cada um.

 

Participantes e ouvintes poderão assistir palestras e participar de oficinas com grandes personalidades do mundo científico, como a renomada cientista brasileira Joana D’Arc Félix de Souza, PhD em Química pela Universidade de Harvard, o jovem cientista Luiz Fernando da Silva Borges, destaque da Feira Internacional de Ciências e Engenharia da Intel (Intel Insef), o diretor da Rede Programa de Olimpíadas do Conhecimento (POG), Ozimar Pereira, e Gilberto Luís Silva, coordenador do projeto Matapi Ecológico, um dos destaques da feira espanhola XIII Exporecerca Jove.

Caravanas das escolas da rede pública e privada da região do Cariri já confirmaram participação, o que a organização espera ser um número superior aos 2000 participantes da primeira edição da MOCICA.

A Mostra Científica do Cariri nasce após quase 40 anos de sonho e batalha pela educação, ciência e fomento à pesquisa do professor Ricardo Fonseca, principal nome do ensino regional em orientação de trabalhos de jovens cientistas nacional e internacionalmente premiados, com ajuda de uma grande equipe de alunos, voluntários e apoiadores da ideia foi possível realizar um evento científico de peso no Cariri.

 

 

JOVENS CIENTÍSTICAS DO BRASIL E DO MUNDO

Tornando-se destaque internacional em ternos de feira propulsora da pesquisa científica, o II MOCICA recebeu submissão de projetos oriundos do México, Espanha, Argentina, Paraguai e Chile. Em solo brasileiro, inscritos de São Paulo, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, Pará, Bahia, Piauí e Ceará também apresentação seus trabalhos na Mostra.

 

 

PALESTRANTES DE PESO

Grandes nomes do Ensino, Ciência e Tecnologia do Brasil e do mundo já confirmaram presença na II Mostra Científica do Cariri. Entre eles estão:

– A cientista brasileira Joana D’Arc Félix de Souza, PhD em Química pela Universidade de Harvard, cotada como ‘Pesquisadora do Ano’ no Kurt Politizer de Tecnologia, em 2014.

 

Joana D’Arc Félix de Souza, PhD em Química pela Universidade de Harvard, cotada como ‘Pesquisadora do Ano’ no Kurt Politizer de Tecnologia, em 2014.

 

– O jovem cientista Luiz Fernando da Silva Borges, destaque da Feira Internacional de Ciências e Engenharia da Intel (Intel Insef) e homenageado com seu nome batizando um planetoide.

– O diretor da Rede Programa de Olimpíadas do Conhecimento (POG), Ozimar Pereira.

– O físico Marco Vieira, do Instituto Militar de Engenharia (IME).

– O geólogo do Deserto do Atacama, José Manuel Lobo.

– O coordenador da Feira espanhola Magma Ferecerca Jovi, Manuel Belmonte.

– O paranaese Hélio Caloi Cruz Leão, especialista em Educação Especial e Inteligência Cognitiva.

Luiz Fernando da Silva Borges, destaque da Feira Internacional de Ciências e Engenharia da Intel (Intel Insef) e homenageado com seu nome batizando um planetoide.

 

O jovem cientista Isaías Campos Filho, campeão do quadro científico no programa Luciano Huck com projeto de prevenção deslizamento de terra em encostas.

– A jovem cientista Ângela Santos, finalista do programa Jovens Inventores e da Feira Internacional de Ciências e Engenharia da Intel e Genius, em Nova York.

– O fundador do projeto RAN (Respeitando a Natuzera), Cícero Ramos da Silva.

 

Ângela Santos, finalista do programa Jovens Inventores.

 

SERVIÇO:

II Mostra Científica do Cariri (MOCICA)

De 28 de agosto a 01 de setembro, a partir das 8h

No Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE), campus Juazeiro do Norte

Sugestões de Leitura