Notícias, Políticas Públicas, Reportagens 0

Direitos LGBT são debatidos na II Semana da Diversidade em Juazeiro

Atividades vão até domingo, 18 de dezembro.

Iniciada na segunda-feira, 12, com uma audiência pública sobre os direitos da população Lésbica, Gay, Bissexual, Transexual, Travesti e Transgênero na Câmara de Vereadores, a II Semana de Diversidade do município de Juazeiro do Norte segue com programação educativa, cultural e de debates até domingo, 18 de dezembro, culminando na 15ª Parada do Orgulho LGBT.

Realizada este ano pela Associação Beneficente Madre Maria Villac (ABEMAVI), com apoio do Conselho Municipal de Políticas para a População LGBT e outras entidades, a Semana de Diversidade traz à mesa de debate a luta deste grupo pela conquista de direitos, como garantia a saúde, educação e trabalho.

“Frente a um dos Congressos mais conversadores de todos os tempos, com uma bancada evangélica cada vez maior pautando políticas de retrocesso, discriminação e invisibilização da população LGBT, torna-se mais que urgente falar sobre respeito, amor e justiça social”, diz Brendha Vlazacj, presidente deste Conselho no município e coordenadora do segmento na ABEMAVI.

Como Brendha explica, o evento carrega três segmentos principais: saúde, educação e trabalho. “As LGBT precisam ser respeitadas, precisam ter direito à educação, à saúde de qualidade, com atendimento respeitoso como vale para todos os outros cidadãos, e serem inseridas no mercado de trabalho”, afirma a presidente do Conselho. “É direito de viver”.

Audiências públicas, capacitações em Saúde Integral, palestras e mesas redondas sobre combate a violência foram algumas atividades já realizadas. A programação segue até domingo, 18, com workshops em escolas, encontro regional de articulação e o Festival Cultural LGBT, com a entrega da comenda Arco Íris Jonathan Kiss, em homenagem ao ativista violentamente assassinado em Juazeiro do Norte nos anos 2000.

“A comenda é uma homenagem ao Jonathan, um dos propulsores do movimento LGBT na região, onde faremos um momento de memória e reflexão da história de luta do nosso povo”, declarou Brendha.

A II Semana de Diversidade finaliza suas atividades com a 15ª edição da Parada do Orgulho LGBT, com concentração na praça das Cacimbas, em Juazeiro do Norte.

 

ESTATÍSTICAS

Uma pesquisa mundial realizada pelo Center for Talent Innovation constatou que, no Brasil, pelo menos 61% dos LGBTs empregados escondem sua sexualidade em seus locais de trabalho. Outros 49% dizem não esconder, mas não falam abertamente sobre o assunto. O motivo principal seria medo de discriminação ou demissão.

São mais de 20 milhões de pessoas abertamente LGBTs no Brasil, segundo o Grupo Gay da Bahia, expostas a discriminação e violência. Em 2014, as chances de uma travesti ou transexual brasileira ser assassinada por crimes de ódio chegou a ser 1.280 vezes maior que nos EUA, o grupo comparou. Pelo menos 40% dos homicídios contra transexuais e travestis ao redor do mundo aconteceram no Brasil.

 

Rio de Janeiro - Copacabana recebe 21ª Parada do Orgulho LGBT que tem como tema neste ano Eu sou minha identidade de gênero (Tomaz Silva/Agência Brasil)

Rio de Janeiro – Copacabana recebe 21ª Parada do Orgulho LGBT que tem como tema neste ano Eu sou minha identidade de gênero (Tomaz Silva/Agência Brasil)

 

CONSELHO MUNICIPAL

Concretizado apenas neste ano com a posse da atual gestão, o Conselho Municipal de Políticas para a População LGBT em Juazeiro do Norte existe no papel desde 2013. É composto por setores da sociedade civil e governamentais e deverá fiscalizar e contribuir para ações e políticas públicas municipais, pautando questões de interesse daquele grupo de acordo com a realidade local.

 

PROGRAMAÇÃO

 

whatsapp-image-2016-12-14-at-15-10-19

 

SERVIÇO

Conselho Municipal de Políticas para a População LGBT

Rua Monsenhor Esmeraldo, s/n, bairro Franciscanos – Juazeiro do Norte

No prédio da Secretaria de Desenvolvimento Social e Trabalho

.

Associação Beneficente Madre Maria Villac

Rua do Cruzeiro, nº 1149, bairro São Miguel – Juazeiro do Norte

 

Sugestões de Leitura