Arte e Cultura, Reportagens 0

Casa Ninho realiza a Mostra Repertório em Casa

Grupo Ninho de Teatro e Coletivo Atuante em Cena apresentam espetáculos do seus repertórios

O Grupo Ninho de Teatro e o Coletivo Atuantes em Cena dividem o espaço da Casa Ninho de Teatro, no Crato. E é ali que, desde o último domingo (24), os dois grupos realizam a Mostra Repertório em Casa. Como o nome do evento já diz, trata-se de uma maratona de espetáculos, que vai até o dia 30. A mostra está arrecadando recursos para manter a casa funcionando.

Desde julho de 2011 a Casa Ninho está de portas abertas. Recebemos trabalhos de teatro e de todas as outras linguagens… De artistas daqui e de tantos outros lugares… Nestes seis anos de resistência atendemos a milhares de pessoas oferecendo às mesmas algo precioso: nossa cultura e nossa identidade. Entretanto, nunca foi fácil… E tem se tornado cada vez mais difícil! Por isso, esta edição da nossa mostra se configura como um convite e um apelo: Venham para a nossa casa (que também é de vocês) e nos ajudem a manter as portas abertas!

24 a 30 de setembro de 2017
Casa Ninho (Rua Ratisbona, 266 – Centro) e RFFSA
Entrada: PQP (Pague Quanto Puder)

A imagem pode conter: texto

 

24set.
Domingo – 15h – Brechó de Casa
17h – Espetáculo: Revoluction – Coletivo Atuantes em Cena
Local: Largo da RFFSA/ Classificação: Livre.
19h- Discotecagem na Casa

25set.
Segunda – 19h30 – Espetáculo: O Pequeno Príncipe
Coletivo Atuantes em Cena – Local: Casa Ninho
Classificação: Livre/ Entrada: Pague o Quanto Puder – P.Q.P

26set.
Terça-19h30- Espetáculo: Cardinal – Coletivo Atuantes em Cena
Local: Casa Ninho
Classificação: 16 anos. Entrada: Gratuita

27set.
Quarta-15h- Mesa: Políticas Culturais – Fomento as Artes Cênicas do/no Cariri. Local: Casa Ninho
19h30 – Espetáculo: Pela Noite – Grupo Arruaça
Local: Casa Ninho
Classificação: 14 anos. Entrada: Pague o Quanto Puder – P.Q.P

28set.
Quinta-19h30 – Espetáculo: Avental Todo Sujo de Ovo
Grupo NInho de Teatro – Local: Casa Ninho
Classificação: 14 anos. Pague o Quanto Puder – P.Q.P

29set.
19h00- Espetáculo: Poeira – Grupo Ninho de Teatro
Local: Casa Ninho
Classificação: 16 anos. Entrada: Gratuita

30set.
19h30 – Espetáculo: O Sagrado e o Profano, as vozes de uma cidade – Coletivo Atuantes em Cena
Local: Casa Ninho
Classificação: 14 anos. Entrada: Pague o Quanto Puder – P.Q.P

Grupo Ninho de Teatro*

Somos feitos de artes, trabalhos e sonhos! A formação do Grupo Ninho de Teatro se realiza pela união de artistas residentes no cariri cearense. O encontro destes artistas se deve às convergências de opiniões e gostos pelas mesmas linguagens teatrais. Sempre ansiosos por novas maneiras de se fazer teatro, os integrantes deste grupo investigam e vivenciam diversas poéticas cênicas, experimentando a total liberdade de dar vazão à criatividade artística com vistas  em um teatro no qual seja possível intercambiar opiniões e experiências com os espectadores.

Coletivo Atuantes em Cena*

Coletivo Atuantes em Cena (Juazeiro do Norte-CE), surge em 2013. O Grupo vem se configurando numa prática de construção de espetáculos pautada na processualidade, possibilitando que os integrantes se envolvam diretamente na formalidade cênica, provocando desse modo o amadurecimento das potencialidades criativas de seus integrantes. O grupo surge a partir da construção de espetáculos que estavam ancorados à Universidade Regional do Cariri – URCA, por meio do curso de Licenciatura em Teatro.

*Informações da assessoria de comunicação
A imagem pode conter: 2 pessoas, barba

Cena de “Avental Todo Sujo de Ovo” (Foto: Cristóvão Teixeira)

Poeira – Grupo Ninho de Teatro

Do que somos feitos? Ou do que precisamos para nos fazer (re) fazer? Da alegria, da tristeza, do amor, da dor? Somos terra, viemos dela e para ela voltaremos, somos saudades… Poeira é festa que documenta o prazer de se misturar e a alegria que se sente ao se encontrar mestres inspiradores, mestres de verdade “num sabe?!”… Pronto!

Avental Todo Sujo de Ovo – Grupo Ninho de Teatro

Trata da relação familiar, com seus sentimentos, limitações e suas in/verdades. O espetáculo convida os espectadores a visitarem a casa de Alzira e Antero, o casal que há dezenove anos, junto à comadre Noélia vive a angustiante espera do filho Moacir… Este cotidiano só se modificará a partir da inesperada visita de Indienne Du Bois.

Pela Noite – Grupo Arruaça

 

Um novo batismo conduz dois homens a viver a noite, não qualquer noite! Num jogo que subverte as normas sociais eles se rebatizam para assim viver a liberdade de ser e deixar que o que sentem um pelo outro aconteça, sem nenhuma regra que os impeça, já que eles são novos homens para a sociedade que os impediu-impede durante anos de viver este encontro!

O Pequeno Príncipe – Coletivo Atuantes em Cena

O Espetáculo O Pequeno Príncipe foca o posicionamento do adulto na contemporaneidade. Sob o olhar do principezinho (uma criança) percebemos a vida de outro modo. Passeamos com ele entre o mundo fantástico e o cotidiano, que infelizmente torna-se mais cru, mais metódico quando nos tornamos adultos. As personagens transitam entre esses mundos como viajantes em busca de tentar compreender a essencialidade da vida, ora se veem perdidos, mas nesses momentos de silêncio, é que por vezes conseguem escutar a si próprios, revivendo alguns momentos da infância escondida dentro de si.

O Sagrado e o Profano, as Vozes de uma Cidade – Coletivo Atuantes em Cena

“É um mistério tão profundo, Juazeiro o Centro do Mundo”. Vozes, corpos e teatralidade. Imbricação de pessoas e suas crenças. O experimento faz um mergulho nas formas visuais/sonoras geradas pelos atores/pesquisadores a partir das vozes e sons da cidade de Juazeiro do Norte-CE. Uma explosão de formas, cores e musicalidades, compondo o sagrado e o profano na “Terra do Padim”.

CARDINAL – Coletivo Atuantes em Cena

Eu sou Ofélia, Electra, Medéia, formiga, barata e abelha. Eu sou a noite e a luz do dia. Eu sou vontade e medo. Eu sou Francisca, Margarida, Gioconda, Julieta, Elisabete e Maria. Eu sou vagina, buceta, xereca, barata, aranha, pepeca e órgão genital feminino. Eu sou Helena sem Tróia, Leia sem Hansolo, eu sou Mulher-Maravilha sem Superman e quando quero sou mulher-sem-ser-maravilha. Eu sou Electra sem fogão e Medéia fazendo um aborto seguro em um hospital público. Eu sou a escolha de ser ou não mãe sendo mulher, eu sou um corpo que pensa e tem direito de escolher. Eu sou…

REVOLUCTIÓN – Coletivo Atuantes em Cena

Onde nasce a maldade? Na luta por um mundo mais justo os animais da Fazenda Brasil, se unem para a derrubada de seu inimigo – O HOMEM -. Assim, conseguem o poder da fazenda e assumir o comando de suas vidas. Mas, o poder corrompe. Entre a derrubada dos velhos hábitos humanos e a implantação de hábitos mais honestos, profundas mudanças ocorrem na hierarquia dos animais. Livre inspirado na obra A Revolução dos Bichos de George Orwell, Revolución trata das injustiças no paralelo da maldade de quem oprime e passividade de quem obedece.

Sugestões de Leitura