Arte e Cultura 0

Adeus, Mestre Bigode: imagens de um cortejo de despedida

Faleceu, aos 94 anos, no sábado (12), o Mestre da Cultura cearense Manoel Antônio da Silva.

“Mestre Bigode”, nome com o qual ganhou apreço e carinho de muitos entusiastas e brincantes da cultura popular, foi um dos principais expoentes das tradições populares e dos folguedos nordestinos.

Bacamarteiro com habilidades sem igual, também foi mestre no Maneiro-Pau, adaptando-os à medida que desejava com traços do cangaço e do lúdico.

Manoel Antônio da Silva, o Mestre Bigode, era natural de Iguatu, mas foi em Juazeiro do Norte que começou suas danças e andanças, e ganhou o título de Mestre da Cultura Popular e Tradicional do Governo do Estado do Ceará, em 2004.

Samuel Macedo, fotógrafo, acompanhou o cortejo de despedida dos queridos amigos de Mestre Bigode.

 

 

 

 

Sugestões de Leitura